© - Copyright - ©

Copyright - © As fotos e os textos de Eliéser Baco aqui publicados têm Todos os Direitos Reservados pela Lei 9610/98- ©

sexta-feira, 18 de junho de 2010

José Saramago

Sempre fiquei impressionado com pessoas com talento. Principalmente o talento para a escrita, força radiante que faz sombra agradável aqueles que descansam seu refletir na leitura. E este senhor da imagem fez uma sombra imensa para muitos descansarem. O fato é simples: fará muita falta. Resta reler o que nos deixou. Compreeender estilística. Degustar seu melhor.  Imaginar seu mundo interior transcrito. Perceber a materialização de parte de sua alma no texto enrredado de magia. Para alguns tudo isso é irrelevante. Mais um olhar encerrado pela mão do Criador. Para os que como eu pensam o mundo literário com a febre do sedento por um copo a mais de sagacidade, o valor de Saramago é imenso diante de tantos outros talentos. 

Segue trecho copiado do Wikipédia: 
Foi galardoado com o Nobel de Literatura de 1998. Também ganhou o Prémio Camões, o mais importante prémio literário da língua portuguesa. Saramago foi considerado o responsável pelo efectivo reconhecimento internacional da prosa em língua portuguesa.[1]
O seu livro Ensaio Sobre a Cegueira foi adaptado para o cinema e lançado em 2008, produzido no Japão, Brasil e Canadá, dirigido por Fernando Meirelles (realizador de O Jardineiro Fiel e Cidade de Deus). Em 2010 o realizador português António Ferreira adapta um conto retirado do livro Objecto Quase, conto esse que viria dar nome ao filme Embargo, uma produção portuguesa em co-produção com o Brasil e Espanha.
Nasceu na província do Ribatejo, no dia 16 de Novembro, embora o registo oficial apresente o dia 18 como o do seu nascimento. Saramago, conhecido pelo seu ateísmo e iberismo, foi membro do Partido Comunista Português e foi director do Diário de Notícias. Juntamente com Luiz Francisco Rebello, Armindo Magalhães, Manuel da Fonseca e Urbano Tavares Rodrigues foi, em 1992, um dos fundadores da Frente Nacional para a Defesa da Cultura (FNDC). Casado com a espanhola Pilar del Río, Saramago viveu na ilha espanhola de Lanzarote, nas Ilhas Canárias.
.........
fonte imagem:http://adevidacomedia.files.wordpress.com/2009/10/saramago.jpeg
fonte texto: http://pt.wikipedia.org/wiki/Jos%C3%A9_Saramago
Ocorreu um erro neste gadget

Bebedouro

"Ainda não consigo ter pena quando o mal encontra em nós, bebedores de sangue, o dia da desforra. Ainda não consigo perdoar aquilo que eu nunca faria para outra pessoa com tanta frieza, dissimulação e carisma nos olhos. Está aí prontamente a distinção de parte do que fui feito nas décadas, da maré que me fez derrubar o sangue alheio na minha realidade. Sombrias formas de olhar caminhos cruzados, ácido que sai nas linhas e na voz quando o cansaço encontra a raiz para a paz momentânea, e os nossos ossos só querem ferir, proteger os nossos e ferir quem atinge ideais, história sã e a nossa verdade. Nossa realidade por vezes má, confesso"

Eliéser Baco - direitos reservados na Biblioteca Nacional